segunda-feira, 6 de abril de 2015

Justiceiro Alado - A Nação - 1963


Justiceiro Alado é uma série de aventuras criada pelo argentino, então radicado no Brasil, José Del Bó (José María del Bó) para a página de quadrinhos do jornal paulistano A Nação.




A Nação foi um tabloide paulistano das empresas O Esporte e A Hora que circulou entre 1963 e 1964, tendo como diretor-presidente J. B. Viana de Morais e como redator-chefe Nabor Caires de Brito.

Em depoimento à revista Memo nº 4, Rodolfo Zalla declarou: "Nessa época conheci Nico Rosso, Wilson Fernandes, Gedeone, Antonio Duarte e outros. Del Bó estava fazendo uma tira para um jornal de São Paulo chamado A Nação que tinha uma página de quadrinhos dirigida por um desenhista chamado Luiz Sanches. A série se chamava Justiceiro Alado. O Sanches tinha também uma tira meio autobiográfica chamada Zé Luiz, o Gedeone publicava Uk e Uka, entre outras coisas. Sanches era meio que um agente. Através dele conheci o Barbosa Lessa, que era também um agente e para ele eu fiz Jacaré Mendonça que foi publicado no Ultima Hora de São Paulo, onde Del Bó publicava uma outra tira chamada Gatinha Paulista. Logo depois disso comecei também a fazer uma outra série com textos do próprio Barbosa Lessa chamada Amores Históricos que era publicada não como tira, mas em formato de uma coluna no mesmo jornal".

Nenhum comentário: